Ao longo dos anos, sêmen humano ficou 52% menos concentrado!

O alerta foi feito por uma equipe de cientistas da Universidade de Oxford, que analisou o estado do esperma produzido pelos homens de países desenvolvidos. De acordo com o estudo, nos últimos 40 anos a qualidade do sêmen dos homens da América do Norte, Europa e Austrália teve uma queda de 50%. 

O pesquisador de saúde pública Hagai Levine, da Universidade Hebraica de Jerusalém, se mostrou bastante preocupado com esses resultados, principalmente com o que eles poderiam representar para o futuro, caso a tendência não seja revertida. “Eventualmente, isso poderá ser um problema (...). Poderá significar a extinção da espécie humana”, afirmou Levine. 

O estudo foi realizado com base em 43 mil amostras de esperma, obtidas por meio de 185 análises, feitas entre 1973 e 2001. A pesquisa, uma das maiores já empreendidas sobre o assunto, revelou uma diminuição de 52,4% na concentração de sêmen e 59,3% na contagem de espermatozoides. 

Fonte: BBC
Imagem: Shutterstock



MÁ QUALIDADE DO ESPERMA PODE LEVAR HUMANIDADE À EXTINÇÃO

Marcadores:

Postar um comentário

Author Name

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.