Os guerreiros mercenários do Japão feudal têm uma história cercada de mistérios e exageros.
Abaixo, seguem alguns exemplos que ajudam a compreender a natureza complexa desses lutadores:

Kato Danzo: Esse guerreiro popularizou o mito que afirma que os ninjas possuem poderes paranormais. Suas práticas de ilusionismo davam a sensação de que ele podia, de fato, fazer não só objetos desaparecerem como a si mesmo, e quando quisesse. Além disso, acredita-se que ele era um mestre na arte da hipnose.

Ishikawa Goemon: Nascido em 1558, esse ninja é uma espécie de Robin Hood japonês. A lenda afirma que, depois de escapar da escola de Sandayu Mochizuki, ele se tornou um nukenin (ninja fugitivo) e passou a roubar ricos e poderosos da época para distribuir a fortuna entre os camponeses oprimidos.

Tomo Sukesada: No texto clássico japonês Mikawa Go-fudoki, descreve-se como Tomo Sukesada liderou um ataque ninja contra o castelo de Imagawa. Os duzentos mercenários conseguiram vencer a vigilância pesada do local, entrar no recinto, incendiar as torres e aniquilar todo o exército do clã inimigo.

Kido Yazaemon: Esse ninja de Iga era um verdadeiro expert no uso de explosivos. Ficou famoso depois de tentar assassinar o grande líder Oda Nobunaga em 1579. Para isso ele utilizou uma Tanegashima, um tipo de arma de arcabuz (arma de fogo) medieval. Apesar de não ter conseguido matar o nobre, o ataque foi tão fantástico que ele ficou marcado para sempre na história japonesa.


Fonte: Super Curioso
Imagem: Shutterstock


4 LENDAS NINJAS QUE CERTAMENTE VOCÊ NÃO CONHECIA

Marcadores:

Postar um comentário

Author Name

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.