A produção de energia eólica em operação comercial no Sistema Interligado Nacional ao longo dos primeiros quatro meses deste ano foi 30% superior à geração no mesmo período do ano passado no Brasil.

No Rio Grande do Norte, que mantém liderança entre os estados do país, o avanço foi de 39% no período. Os dados são da Câmara de Comercialização de Energia Elétrica e foram divulgados ontem.

Nacionalmente, as usinas movidas pela força dos ventos produziram 3.286 MV médios entre janeiro e abril, frente aos 2.532 MW médios gerados em 2016.

Com essa expansão, a representatividade da fonte eólica em relação a toda energia gerada no período pelas usinas do sistema alcançou 5,1%. Já a fonte hidráulica, incluindo grandes usinas e as pequenas centrais hidrelétrica foi responsável por 79,4% do total, enquanto as usinas térmicas responderam por 15,4% da geração no país.


Tribuna do Norte

Geração de energia eólica aumenta 39% no Rio Grande do Norte

Marcadores:

Postar um comentário

Author Name

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.