As empresas fornecedoras de energia elétrica de todo o Brasil estão sendo questionadas por consumidores na Justiça pelo que seria uma dupla cobrança do ICMS (Imposto sobre a Circulação de Mercadorias e Serviços) na conta mensal: sobre a energia utilizada propriamente dita e sobre a Tusd e a Tust (Tarifas de Uso do Sistema de Distribuição e de Transmissão).

Segundo as ações na Justiça, o consumidor deve pagar o ICMS somente da energia utilizada, já que o ICMS que incide sobre a Tusd e a Tust é uma despesa apenas das empresas, não de seus clientes, no caso, os usuários do sistema.

Para ajudar o consumidor a calcular quanto poderia receber de volta da empresa fornecedora de energia elétrica de sua região, em uma eventual vitória na Justiça, a Proteste Associação de Consumidores lançou um simulador on-line. Por meio do site, o consumidor acessa o simulador e insere algumas poucas informações, como valor médio gasto mensalmente com a conta de luz, o Estado em que mora e qual a empresa fornecedora de energia elétrica. Quase imediatamente surge na tela o valor aproximado do que teria sido pago a mais.

VEJA >>AQUI<<

Robson Rires


Consumidor pode receber de volta dinheiro da luz, saiba como!

Marcadores:

Postar um comentário

Author Name

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.