Pesquisadores da Universidade de Oakland, em Rochester, nos Estados Unidos, realizaram um estudo com 861 pessoas a fim de descobrir o que as levavam a manter amizades com ex-namorados.

A conclusão foi que esse tipo de amizade, considerado por eles como estratégico, define traços de personalidades obscuras e tendências psicopatas. Segundo os psicólogos autores do estudo, as razões pelas quais as pessoas tendem a ficar amigas de ex-parceiros remetem a interesses estratégicos específicos, tais como informações, dinheiro, amor ou sexo.

Os especialistas questionaram os participantes sobre o porquê de manterem laços com alguém após um término e pediram que listassem as razões. Além disso, também foram respondidos questionários sobre personalidade que visavam mostrar traços específicos –manipulação, narcisismo, maquiavelismo e psicopatia (esses três últimos fazem parte de uma teoria criada por Nicolau Maquiavel, chamada tríade obscura).

Estudos anteriores já haviam demonstrado que pessoas com essas características são mais propensas a escolher os amigos por razões estratégicas, além de preferirem relacionamentos de curto prazo. Com base nisso, os pesquisadores queriam ver se isso se aplicaria em uma área pouco estudada de amizade, a interação após o relacionamento.

O estudo constatou que manter esse tipo de relação pode não ser tão simples. As principais razões listadas pelos entrevistados falavam sobre confiabilidade e forte ligação sentimental. Entre os homens, o pragmatismo e acesso sexual foram classificados como mais importantes do que para as mulheres.

No entanto, quando alguns dos entrevistados alcançaram uma pontuação alta para traços da tríade obscura mostraram-se mais propensos a escolher a praticidade e possibilidade de ligar-se como fatores essenciais (estratégicos e egocêntricos) para manter uma amizade.


Jornal Ciência via Daily Mail

Pesquisadores sugerem que manter amizade com ex pode ser sinal de psicopatia

Marcadores:

Postar um comentário

Author Name

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.