Latest Post

Na véspera do protesto que virou badernaço em Brasília, um grupo de senadores do PT foi ao Palácio do Buriti, sede do governo do Distrito Federal, pedir ao governador Rodrigo Rollemberg para que a Polícia Militar não vistoriasse ônibus chegando a Brasília com manifestantes. Rollemberg respondeu aos senadores Paulo Rocha (PA), Lindbergh Farias (PE) e Humberto Costa (PE) que não poderia atender o pedido. A informação é do colunista Cláudio Humberto, do Diário do Poder.

Segundo fonte do governo do DF, o senador Lindbergh foi o mais “enfático” no pedido para a PM não revistar ônibus de manifestantes.
Após a destruição em Brasília, a suspeita agora é que a cúpula do PT sabia que haveria o badernaço, marcado para o dia seguinte.

Apesar da decisão do governador de manter a vistoria, porretes, armas brancas, bombas, escudos etc. passaram pela “peneira” da PM.

A assessoria de Lindbergh confirmou a reunião com o governador do DF, e não comentou a acusação de tentar impedir a revista dos ônibus.

Robson Pires


Júpiter tem furacões do tamanho da Terra

As observações iniciais de Júpiter feitas pela sonda espacial Juno são "de tirar o fôlego", informam os cientistas da Nasa envolvidos na missão.

E o que mais os deixou perplexos até agora foram as gigantescas "tempestades" registradas nos polos dos planetas.

"Pense em um monte de furacões, cada um do tamanho da Terra, todos tão espremidos uns aos outros que chegam a se tocar", explica Mike Janssen, da agência espacial americana. "Até mesmo entre os pesquisadores mais experientes, essas imagens de nuvens imensas rodopiando têm impressionado muito."

A sonda Juno chegou ao quinto país do Sistema Solar em 4 de julho do ano passado. Desde então, ela tem se aproximado do planeta gasoso a cada 53 dias.

As primeiras conclusões derivadas dessas observações estão sendo divulgadas agora nas publicações científicas Science e Geophysical Research Letters.

A equipe da Nasa diz que o que se sabia previamente sobre Júpiter está sendo revisto com base nas novas descobertas.

"(Com) essa observação mais próxima, constatamos que várias ideias que tínhamos (sobre Júpiter) eram incorretas e até mesmo ingênuas", afirma Scott Bolton, principal pesquisador do Instituto de Pesquisa de San Antonio, no Texas.

Os grandes ciclones que cobrem as altas latitudes do planeta só agora estão sendo vistos em detalhes, porque as missões anteriores nunca conseguiram realmente olhar o planeta por cima e por baixo, como Juno tem conseguido - e, certamente, nenhuma teve resolução tão alta. É possível discernir até mesmo características que estão a apenas 50 km de distância.

As estruturas são muito diferentes daquelas encontradas nos polos de Saturno, por exemplo, e as razões disso ainda não são compreendidas.
Outra surpresa vem do Radiômetro de Micro-ondas (MWR na sigla em inglês) da Juno, que detecta o comportamento abaixo da superfície de nuvens. Seus dados indicam a presença de uma ampla faixa de amônia que vai do topo da atmosfera até a maior profundeza que se pode detectar - pelo menos 350 km para baixo. Ela pode ser parte de um grande sistema de circulação.

Mas a MWR mostra que a amônia em latitudes maiores pode ser muito mais variável.

"O que isso está nos dizendo é que Júpiter não está muito definido por dentro", diz Bolton. "Está completamente errada a ideia de que, uma vez que você vá além da luz solar, tudo será uniforme e tedioso. A realidade pode ser muito diferente dependendo de onde você olha."

A equipe que monitora a Juno selecionou alguns destaques entre as novas descobertas:

- Júpiter é 11 vezes maior que a Terra e 300 vezes mais pesado
- São necessários 12 anos terrestres para que Júpiter consiga fazer uma volta no Sol; um dia por lá tem 10 horas de duração

- Em sua composição, ele lembra uma estrela; é formado basicamente de hidrogênio e hélio
- Sob pressão, o hidrogênio se torna um fluido que conduz eletricidade
- O hidrogênio metálico é provavelmente uma fonte de campo magnético

- A maioria da superfície das nuvens contém amônia e sulfureto de hidrogênio
- As listras de Júpiter são criadas por ventos fortes de origem leste e oeste.

- A Grande Mancha Vermelha de Júpiter é um gigantesco vórtice de tempestade duas vezes maior que a Terra. Essa mancha será o tema da próxima etapa de investigação da sonda Juno



UOL

Seres humanos compartilham os mesmos genes para os dentes que os peixes baiacus, animais que cuja dentição é regenerada constante e infinitamente

Perdeu um dente e ficou banguela? A solução definitiva para o seu problema, sem ter que fazer um implante, pode vir desse peixe feioso aqui de cima.

Um estudo publicado recentemente no jornal PNAS (Proceedings of the National Academy of Sciences) mostra que os seres humanos compartilham os mesmos genes para os dentes que os peixes baiacus, animais que cuja dentição é regenerada constante e infinitamente.

A descoberta, para os autores do estudo, pesquisadores das Universidades de Sheffield (Inglaterra) e Tóquio (Japão) e do Museu de História Natural de Londres, pode indicar um caminho a ser usado na perda de dentes em humanos.

Os peixes baiacus, da família dos Tetraodontidae, como o nome sugere, possuem em sua boca quatro dentes que se regeneram constantemente e se mantêm com o mesmo tamanho com o desgaste deles realizado na alimentação do animal, feito com alimentos duros, como moluscos com conchas e ouriços.

Tal regeneração dentária, que ocorre de diferentes maneiras em animais vertebrados, ocorre a partir de células-tronco também pertencentes a humanos.

"Nosso estudo questionou como os baiacus desenvolvem os dentes e agora nós descobrimos quais são as células-tronco responsáveis e os genes que atuam nesse processo contínuo de regeneração. Estes também estão envolvidos no processo de regeneração dentária de todos os vertebrados, incluindo os humanos", afirmou o zoólogo Gareth Fraser, da Universidade de Sheffield.

"O fato de que todos os vertebrados regeneram seus dentes da mesma maneira com um conjunto de células-tronco conservadas significa que podemos usar esses estudos em peixes para fornecer pistas sobre como podemos resolver questões de perda de dentes em seres humanos", completou.

Cabelo humano, penas de aves, escamas de répteis e pele de tubarão: origens comuns

Pele do tubarão, com pequenos dentículos, tem a mesma origem que o cabelo humano


Um outro estudo conduzido por Gareth Fraser e sua equipe da Universidade de Sheffield mostrou outras conexões --origens comuns-- entre humanos, tubarões, répteis e pássaros.

De acordo com a pesquisa, publicada na revista EvoDevo, o cabelo humano tem a mesma origem de desenvolvimento que escamas de répteis, penas de pássaros e a pele de tubarão, formado por pequenos dentículos.

Para os pesquisadores, todos os vertebrados compartilham o mesmo programa de desenvolvimento para pele, dente e cabelo, que se manteve relativamente inalterado durante a evolução destes animais.

"Nosso estudo sugere que os mesmos genes são fundamentais no desenvolvimento precoce de todos os apêndices de pele --das penas e cabelos à pele de dentes de tubarão", diz Fraser.

"Mesmo que as estruturas finais sejam muito diferentes, este estudo revela que as origens de desenvolvimento de todas essas estruturas são semelhantes. A evolução usou, portanto, alicerces comuns como um base que pode ser modificada através do tempo para produzir a vasta diversidade de estruturas da pele vista em vertebrados".

uol


sistema subterrâneo com 7 km deve transportar 400 mil litros de bebida e abastecer o Wacken Open Air, maior evento de heavy metal do mundo. Consumo médio de cerveja durante festival é de 5,1 litros por pessoa.Os organizadores do Wacken Open Air, o maior festival de heavy metal do mundo, preveem um consumo tão alto de cerveja que construíram uma rede de dutos subterrâneos para transportar a bebida.

O "cervejoduto" na cidade de Wacken, no norte da Alemanha, vai transportar cerca de 400 mil litros de cerveja e deve atender a todos os pontos de venda de bebidas do evento, que ocorre há mais de duas décadas na pequena cidade alemã de Wacken. Ele tem pressão suficiente para encher seis copos de cerveja em seis segundos.

O sistema de tubulação funciona por meio de uma rede de sete quilômetros de canais, enterrados a uma profundidade de 80 centímetros. Dessa forma, a área que o festival ocupa pode ser usada normalmente durante o resto do ano.

Cada um dos 75 mil fãs de heavy metal que comparecem ao evento de música todos os anos consome, em média, cerca de 5,1 litros de cerveja durante os três dias de shows, segundo estimativa do portal alemão de estatísticas Statista. Em comparação, o consumo no Rock am Ring, o maior festival de rock da Alemanha, é de 3,1 litros por pessoa.

De acordo com a porta-voz Frederike Arns, o "cervejoduto" foi construído para evitar que o terreno continuasse sendo destruído pelos pesados caminhões que transportavam a cerveja.

"Dessa forma, não precisaremos mais distribuir os carregamentos cheios de barris de cerveja pelo local todos os dias", disse a funcionária à agência de notícias DPA.

Além da construção do novo sistema de dutos, os organizadores informaram que melhoraram o sistema de drenagem do local - mas prometeram aos fãs que sua valiosa lama está garantida.

Neste ano, o Wacken Open Air acontece de 3 a 5 de agosto com uma programação que promete 150 shows. Entre as bandas e artistas confirmados estão Megadeth, Alice Cooper, Marilyn Manson, Trivium, Accept, Status Quo e Turbonegro.

Terra


Como o filme Sharknado, lançado em 2013, tornou bem claro, uma combinação de clima extremo e tubarões fazem um resultado interessante. Pegue como exemplo este tubarão-cabeça-chata que foi encontrado morto no meio de uma estrada na Austrália.

O ciclone Debbie recentemente passou por áreas de Queensland e o norte de New South Wales, com chuvas e ventos pesados, causando muitas inundações. Ao inspecionar as áreas locais a procura de danos, os bombeiros de Queensland encontraram por acaso um tubarão-cabeça-chata de 1,5 metros, no meio de uma estrada na cidade de Ayr. O tubarão desafortunado, de alguma maneira, conseguiu ser arrastado pelas águas da inundação.

Os bombeiros postaram a imagem no Facebook, junto com a legenda: “Você acha que é seguro voltar para a água? Pense de novo! Você nunca sabe o que se esconde a baixo da superfície durante uma tempestade severa, e o que pode aparecer como resultado.”

Esta espécie de tubarão, Carcharhinus leucas, é encontrada em águas rasas e quentes por todo o mundo, frequentemente em volta do litoral e de rios. Então, mesmo sendo estranho o tubarão ter sido encontrado tão longe d’água, é provável que o tubarão estivesse nadando em um rio nas proximidades.

“Houve apenas uma inundação moderada, que atingiu um pico de 9 metros no rio Burdekin, por volta de uma hora antes de tirarmos a foto,” disse o jornalista local Philip Calder, de acordo com o Brisbane Times. “O coitadinho obviamente estava tentando escapar de uma corrente muito forte de água ou algo do tipo e acabou encalhado na estrada… Alguns moradores locais vieram com uma faca para pegar um dente como souvenir.”


climatologiageografica

 Joesley Batista e Ticiana Villas Boas na saída do sex shop, em NY onde compraram um vibrador moderno Foto: Adriana Spaca

Antes de botar fogo na República, Joesley Batista, o empresário que delatou um esquemão de propina com o suposto aval do presidente Michel Temer, parecia só querer incendiar seu casamento. Se ele usou um gravador mequetrefe para registrar conversas comprometedoras, o mesmo não ocorreu quando se aventurou a comprar, na companhia da mulher, a jornalista Ticiana Villas Boas, um vibrador de última geração.

Antes de botar fogo na República, Joesley Batista, o empresário que delatou um esquemão de propina com o suposto aval do presidente Michel Temer, parecia só querer incendiar seu casamento. Se ele usou um gravador mequetrefe para registrar conversas comprometedoras, o mesmo não ocorreu quando se aventurou a comprar, na companhia da mulher, a jornalista Ticiana Villas Boas, um vibrador de última geração.

Adriana conta que ficou de olho no que os dois compravam. “Levaram um vibrador com wi-fi e alguns lubrificantes em gel“, recorda ela. Pelo brinquedinho erótico, Joesley desembolsou algo em torno de R$ 500, mas produtos similares já foram mostrados em feiras eróticas no Brasil por cerca de R$ 2 mil. O produto pode ser controlado de longe, através do celular conectado.

As fotos de Joesley Batista e Ticiana Villas Boas foram publicadas em setembro de 2015 pelo jornalista Álvaro Leme em seu blog. Na época, o casal não despertava tanta curiosidade e comoção como agora. “Ninguém sabia quem era ele. Quando saiu da loja, era Joesley que levava a sacola preta com os produtos, andando a pé, sem segurança”, relembra Spaca.

Extra – O Globo

Cristiano Zanin, advogado de defesa de Lula, e o juiz Sergio Moro discutiram numa audiência realizada na tarde desta quarta (24).

O bate boca aconteceu durante o interrogatório de Pedro Barusco, ex-gerente da Petrobras, e Paulo Roberto Costa, ex-diretor da empresa.
Ambos são testemunhas de acusação na ação penal que investiga suposto esquema de corrupção envolvendo a Petrobras e a Odebrecht na aquisição de um terreno para o Instituto Lula.

Primeiro, os dois foram questionados primeiro pelo Ministério Público Federal. Em seguida, Cristiano Zanin assumiu as perguntas.

A discussão se inicia quando Zanin questiona Barusco sobre acordos de colaboração com autoridades de outros países.

Moro responde que todas as perguntas relativas a este acordo estão indeferidas, porque não teriam importância para o caso.

“Se é sobre acordo lá de fora está indeferida”, disse Moro.

“Vossa excelência está indeferindo a questão antes de ouvir? me parece um desrespeito com o advogado”, respondeu Zanin.

“É uma brincadeira”, rebateu Moro.

“Eu não estou brincando”.

VEJA


Joesley Batista entregou à PGR prints de centenas de mensagens de seu celular. Uma delas trata da conversa com Elsinho Mouco, o marqueteiro de Michel Temer, para a contratação de serviço de guerrilha virtual.

O empresário pediu ajuda a Elsinho para enfrentar na internet a onda negativa contra a JBS deflagrada pela Carne Fraca.

Joesley pergunta – Elsinho, lembra aquele serviço na internet que vc fez pro Temer antes dele assumir? Como funciona aquilo? Vc poderia fazer igual pra mim?

Elsinho responde – Lógico. Voltando vamos falar.
Joesley conclui – blza. t mando notícias.
Em sua delação premiada, Joesley conta que pagou R$ 300 mil a Elsinho, a pedido de Temer, para fazer sua defesa na internet durante o impeachment.
Na semana passada, Elsinho divulgou nota em que fala do contato com Joesley, mas não admite o pagamento pelo trabalho para Temer.

BG


Filmes de ficção à parte, este é um cenário que todos tememos – uma enorme rocha espacial colidindo com a Terra, causando caos generalizado e destruição. E especialistas acreditam que este terrível cenário está próximo de se tornar realidade. Ron Baalke, um astrônomo e explorador espacial do Laboratório de Propulsão a Jato da NASA, publicou em sua conta no Twitter, previsões preocupantes. Ele basicamente listou cinco asteroides conhecidos e esperados para passar terrivelmente próximos de nosso planeta ainda neste ano.

Em seu post na mídia social, Baalke escreveu: “Uma lista de asteroides conhecidos que farão aproximações bem rentes à Terra – de menos de cinco distâncias lunares – no próximo ano”, juntamente com uma tabela detalhada sobre os cinco encontros. O primeiro, segundo ele, ocorrerá no dia 23 de julho, quando o objeto 2017 BS5, que pode ter cerca de 40-90 metros de diâmetro, chegará a 3.15 distâncias lunares (1.211.734 quilômetros) da Terra.

O encontro mais preocupante está previsto para o dia 12 de outubro, quando o objeto 2012 TC4 chegará a apenas 0,15 distâncias lunares (57.659 quilômetros) da Terra. Contudo, e felizmente, este asteroide possui apenas 12-27 metros de diâmetro. Mais três encontros próximos ocorrerão em 3 de dezembro de 2017, 24 de fevereiro de 2018 e 2 de abril de 2018. E enquanto apenas estes cinco foram destacados, ele estima que possam haver outros próximos.

Em janeiro deste ano, por exemplo, um asteroide basicamente do tamanho de um ônibus chegou mais perto de nosso planeta do que da Lua. Chamado de 2017 FJ101, ele voou a 325.087 quilômetros de nós. Durante anos os cientistas têm tentado descobrir como lidar com uma ameaça como essa, que poderia nos atingir com pouco ou nenhum aviso. A Casa Branca dos EUA chegou a divulgar um documento oficial chamado “Estratégia Nacional de Preparação para Objetos Próximos da Terra”, descrevendo qual seria o plano se um meteoro ou asteroide estivesse vindo em nossa direção.

O documento “procura melhorar a preparação da nação (EUA) para enfrentar o risco de impactos de Objetos Próximos da Terra (NEO), melhorando a integração de ativos nacionais e internacionais existentes e adicionando capacidades importantes que atualmente estão em falta”. Os chamados NEOs são asteroides ou cometas que possuem órbitas que os aproximam ou entra na órbita da Terra. Contudo, se um deles fizer contato com nosso planeta, não seria a primeira vez. Em 2013, por exemplo, um meteoro de 17 metros de diâmetro atingiu a região de Chelyabinsk, na Rússia, ferindo mais de 1.000 pessoas que não tinham noção de sua aproximação.

Este é um dos motivos pelos quais uma das estratégias descritas no documento sugere melhorar os métodos da NASA de detecção de NEOs antes que seja tarde demais. E, embora o documento fale essencialmente dos EUA, a ideia da Casa Branca é que outras nações possam colaborar com melhorias. “Os impactos dos NEOs são um perigo global e podem ter grandes consequências ambientais, econômicas e geopolíticas prejudiciais para os Estados Unidos, mesmo se o impacto estiver fora do território dos EUA”, diz o documento.

“Embora atualmente sejam líderes na detecção e monitoramento de NEOs, os Estados Unidos dependerão (em parte) de cooperação e coordenação internacionais para ajudar a desenvolver capacidades de caracterização e relacionadas ao desenvolvimento e implementação de ações de deflexão e interrupção de NEOs”.

Jornal Ciência via Daily Mail


Bebê com queimadura tem pele de peixe posicionada sobre a pele, em tratamento em Fortaleza, no Ceará - PAULO WHITAKER / REUTERS
FORTALEZA — Pesquisadores brasileiros estão experimentando um novo tratamento para queimaduras graves usando a pele de tilápia, um procedimento pouco ortodoxo que, segundo eles, é capaz de aliviar a dor das vítimas e reduzir custos médicos.

Já há muito tempo utiliza-se pele de porco congelada e até tecido humano para manter queimaduras úmidas e permitir a transferência de colágeno, uma proteína que promove a cicatrização. No entanto, os hospitais públicos do Brasil carecem de suprimentos de pele humana e de porco, além de sofrerem com a escassez de alternativas artificiais — que são facilmente disponíveis em países como os EUA. Em vez disso,o recurso mais comum é a bandagem de gaze, que precisa de mudanças regulares — e muitas vezes dolorosas.

Entretanto, cientistas da Universidade Federal do Ceará (UFC) descobriram que a pele de tilápia tem umidade, colágeno e resistência a doenças em níveis comparáveis à pele humana, e, por isso, pode auxiliar na cicatrização.

A tilápia é um peixe abundante nos rios e criadouros brasileiros, que estão se expandindo rapidamente à medida que cresce a demanda para os peixes de água doce com sabor moderado.


Na China, pesquisadores testaram a pele de tilápia em roedores para estudar suas propriedades curativas, mas cientistas no Brasil alegam que seus testes são os primeiros em humanos.

— O uso da pele de tilápia em queimaduras é sem precedentes — ressalta Odorico de Morais, professor da Universidade Federal do Ceará (UFC). — A pele do peixe é geralmente jogada fora, por isso estamos usando este produto para convertê-lo em um benefício social.
O tratamento com tilápia tem potencial de acelerar a cicatrização por vários dias e reduzir a necessidade de analgésicos, acrescenta o pesquisador cearense. A terapia consiste em cobrir a parte queimada da pele do paciente com a pele de peixe, e cobrir isso com uma bandagem, sem a necessidade de qualquer creme. Após cerca de 10 dias, os médicos removem a bandagem. A pele de tilápia, que a essa altura já secou e afrouxou da queimadura, pode ser descascada com a mão.

As principais vantagens são que a pele de peixe tem altos níveis de colágeno tipo 1, permanece úmida por mais tempo do que a gaze e não precisa ser alterada com frequência.

PROCESSO DE LIMPEZA
Técnicos de laboratório da UFC trataram a pele do peixe com vários agentes esterilizantes e a enviaram a São Paulo, para passar por uma irradiação que mata qualquer vírus antes de a pele ser embalada e refrigerada. Uma vez limpa e tratada, essa pele pode durar até dois anos, dizem os pesquisadores. E o tratamento remove qualquer cheiro de peixe.

Em ensaios clínicos, a terapia alternativa foi utilizada em 56 pacientes para tratar queimaduras de segundo e terceiro graus. Uma dessas pessoas foi o mecânico Antonio Janio, que queimou seu braço quando um cilindro de gás de solda vazou, conta que o tratamento da pele da tilapia foi mais eficaz do que bandagens que precisam ser trocadas a cada dois dias.

— Eu achei excelente. Tira completamente a dor, você não precisa tomar remédio. No meu caso, pelo menos, eu não precisei, graças a Deus — comenta Janio.

TRATAMENTO MAIS BARATO
O pesquisador Odorico de Morais destaca que o tratamento de pele de tilápia custa 75% mais barato do que o creme de sulfadiazina que é normalmente usado em pacientes queimados no Brasil. Os pesquisadores esperam que o tratamento se torne comercialmente viável e que isso incentive empresas a processarem a pele de tilápia para uso médico.

oglobo.globo.com





O traficante Luiz Fernando da Costa, o Fernadinho Beira-Mar, deixou, na manhã desta quinta-feira, o Presídio Federal de Segurança Máxima de Rondônia, no Norte do Brasil. Ele será transferido para outra unidade, que era até então mantida em sigilo. O destino é o presídio Federal de Mossoró.

Nessa quarta-feira, cinco filhos, uma irmã, a ex-mulher, a ex-sogra e os sobrinhos do traficante tiveram mandados de prisão preventiva expedidos em operação da Polícia Federal que desmantelou a quadrilha liderada por ele de dentro da Penitenciária Federal de Porto Velho.

De acordo com o delegado Leonardo Marino, chefe da Delegacia de Repressão a Entorpecentes de Rondônia, onde o traficante estava preso, a irmã de Beira-Mar, Alessandra Costa, era o seu braço direito no esquema. Também advogada do irmão, ela era responsável por levar seus recados a outros integrantes da organização criminosa. Alessandra foi presa em um condomínio de luxo, em Duque de Caxias, na Baixada Fluminense. Outros dois advogados dele também foram detidos.

A investigação chegou à conclusão de que Beira-Mar dominava não só o tráfico de entorpecentes, mas também exercia poder em atividades de 13 comunidades de Duque de Caxias, como o fornecimento de gás, água, cigarro, serviço de mototáxi e caça-níquel.

“A operação demonstra que, mesmo recluso, Beira-Mar ainda detém o controle de atividades na comunidade de Duque de Caxias. Também descobrimos que ele tinha dinheiro ocultado em imóveis e empresas”, afirmou o delegado. “Suas atividades chegavam a um lucro líquido de R$ 1 milhão por mês. Chegamos a um patrimônio de R$ 30 milhões ligados a ele, que serão objetos de sequestro.”

O delegado também informou ontem que Beira-Mar seria transferido da Penitenciária de Porto Velho, de onde comandava o esquema por meio de bilhetes codificados. Os recados eram passados para celas de outros presos e enviados para suas mulheres nas visitas íntimas.

A mulher do traficante, presa em um presídio federal do Rio, também recebia recados por meio de códigos em visitas virtuais dos dois. Alguns seriam para indicar funcionários para cargos comissionados na Camara de Vereadores de Duque de Caxias. Da prisão, Beira-Mar também comandava influências da quadrilha no tráfico internacional de drogas, no Paraguai, no Peru e na Bolívia.

A operação, chamada Epístolas, cumpriu 22 mandados de prisão preventiva, 13 de prisão temporária, 27 de condução coercitiva, 85 de busca e apreensão no Rio de Janeiro, na Paraíba, no Ceará, em Mato Grosso do Sul e no Distrito Federal.

A PF também realiza outras medidas cautelares, como o bloqueio do dinheiro depositado em 51 contas bancárias e a suspensão de atividades comerciais de nove empresas ligadas ao traficante. Em busca a uma casa em Duque de Caxias, foram apreendidos R$ 100 mil em espécie.
Epístolas

A PF explicou que o termo “epístola”, que dá nome à operação, é utilizado para denominar textos escritos de maneira coloquial em forma de carta, com objetivo, ou não, de serem enviados ou obter respostas dos destinatários.

Com acréscimo de informações do Estado de Minas


A Receita Federal vai realizar um leilão em 6 de junho do qual participam 27 lotes de iPhones, com duas unidades por lote. Os aparelhos em questão foram apreendidos em setembro do ano passado.

Os lances podem ser dados via internet, com valor mínimo de R$ 3 mil por lote (os aparelhos são de 128 GB nesse caso). O smartphone da Apple custa a partir de R$ 3.499 reais em seu site oficial. Ou seja, cada iPhone 7 pode sair por menos da metade do preço.

Os aparelhos que fazem parte desse leilão foram apreendidos pela alfândega do Aeroporto Internacional de Guararapes, no Recife. Ao todo, são 58 lotes com eletrônicos, joias e roupas.

Vale notar que quem comprar os produtos terá que pagar ICMS e taxa de armazenagem de 7,47% sobre o valor da compra.

Os interessados podem dar lances no leilão até dia 5 de junho, sempre das 8h às 18h. O edital do leilão restringe os itens para uso pessoal, ou seja, não é permitido revender os artigos comprados. Podem participar tanto pessoas físicas quanto jurídicas.

Para participar do leilão é preciso ter um certificado digital, bem como estar em dia com tributos federais. No site da Receita, é possível obter gratuitamente a Certidão Negativa de Débitos Relativos a Créditos Tributários Federais e à Dívida Ativa da União.

Feito isso, basta acessar o Portal SLE (Sistema de Leilões Eletrônicos), da Receita, para ter acesso aos leilões (depois de entrar, clique no link Celular/Acessório, na coluna esquerda da tela).

Exame


O pastor Paul Sanyangore, dos Ministérios Internacionais da Vitória Mundial, do Zimbábue, afirmou ter o número do telefone de Deus e, o melhor, disse ter sido o próprio Senhor quem passou o contato. A história se espalhou no país e Paul se surpreendeu com a reação das pessoas, que se assustaram com o que foi afirmado por ele.

“Eu tenho um canal direto. Na verdade, eu tenho seu número e eu posso ligar para ele quando tiver necessidade”, disse o pastor. Em fevereiro, o mesmo apareceu em um vídeo em que supostamente conversava com Deus durante a celebração de um culto.

“Se os céus falaram com Abraão, por que não conosco? Vocês não têm fé, e as pessoas sempre terão dúvidas, enquanto outras continuarão a receber essas graças”, disse ele. Paul ainda disse ao jornal zimbabuano H-Metro que sempre que precisa tirar dúvidas sobre algum procedimento, mantém um diálogo com Deus.

Criar um programa de televisão chamado “Céu Online” é sua próxima intenção. Dessa forma, as pessoas poderiam ouvir suas conversas com o Todo Poderoso. Além disso, ele prometeu que iria relevar o número de Deus ainda este mês, para que as pessoas passem a acreditar em sua história.

tenentelaurentinoagora.blogspot.com.br

Author Name

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.